Domingo - 
23/06/2024
ASSESSORIA JURÍDICA CRIMINAL E CÍVEL

TJRJ reúne procuradores-gerais dos Municípios do RJ para diálogo sobre implantação do Eproc

Na última sexta-feira (07), no Salão Desembargador José Joaquim da Fonseca Passos, o Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ) promoveu uma reunião com procuradores-gerais dos municípios para dialogar sobre o sistema Eproc. A nova ferramenta, que substituirá o Processo Judicial Eletrônico (PJe), representa um passo significativo na modernização do Judiciário fluminense. De acordo com o secretário-geral de Tecnologia da Informação (SGTEC), Daniel Haab, este é o maior projeto do Tribunal no momento: melhorar a prestação jurisdicional a partir de novas tecnologias e da construção de soluções em inteligência artificial (IA) generativa, área em que o TJRJ já desponta como referência entre os órgãos públicos de todo o país. Dentre os assuntos abordados no encontro, destacam-se os desafios da migração de sistemas e o altíssimo potencial do Eproc para acelerar o processamento dos feitos, sobretudo pela automação que oferece aos usuários. Sobre o tema, o juiz auxiliar da Presidência Alberto Republicano comentou: “A adoção do novo sistema é uma oportunidade de ouro para automatizarmos sobremaneira os fluxos de trabalho dos processos em andamento e daqueles que serão distribuídos no futuro. Para isso, contamos com a disponibilidade e a parceria de todos os presentes”. Outro tema destacado foi a importância dos treinamentos, condicionantes de fracasso ou sucesso em qualquer projeto: “60% das chamadas de apoio técnico que recebemos de usuários externos dizem respeito ao desconhecimento do uso dos sistemas”, apontou Daniel Haab. Nesse sentido, os participantes foram estimulados a participar ativamente do processo de implantação do Eproc, apresentando dúvidas e críticas construtivas sempre que possível. Segundo Haab, “a ideia é que as Procuradorias, assim como o MP, a Defensoria, a OAB e os demais órgãos sejam vistos não como clientes, mas como verdadeiros parceiros". Também estiveram presentes na mesa o juiz auxiliar da Presidência João Luiz Ferraz e o responsável técnico pela implantação do Eproc no Tribunal de Justiça do Rio, Douglas Blanc, que se colocaram à disposição dos participantes para resolução de dúvidas e outras questões relacionadas ao novo sistema.   Foto: Rosane Naylor Departamento de Comunicação Interna
10/06/2024 (00:00)
Visitas no site:  769220
© 2024 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.